Quem sou eu

Minha foto
Sou português, filho de pais incógnitos. Nasci em Lisboa, percorri Portugal e pela mão de Amália Rodrigues, corri mundo. Estou em toda a parte em que haja um português. Sou um capítulo de cultura portuguesa e a expressão máxima de Portugal. O Menor foi meu pai e minha mãe, o Mouraria é meu amante e casei-me com o Corrido. Tenho muitas namoradas, as Meninas Músicas filhas de distintos pais, os Meninos Poemas também namoram com elas, amo os Poetas ♥ ! Para fazer pirraça sou dedilhado numa guitarra, por vezes choro outras rio ... A D. Viola dá-me a marcação. Muito se diz sobre mim e eu continuo a ser mistério, sou amante, namorado, sou casado e sou galdério, sou leviano, atordoado mas também sei ser sério. Gosto da luz da candeia e do cintilar das velas, mas também gosto dos holofotes e do palco, sou vaidoso, sou boémio, sou artista, sou sofredor, sou alegre, sou verdade, sou português e por isso sou fadista! Gosto que me cantem bem, que me digam bem e que não me troquem as palavras... Posto isto, sou a canção mais bela do mundo ♥ !

Pesquisar este blog

Origem de Mário Raínho

Origem de Mário Raínho

♥ Fados e temas de Amália Rodrigues ♥

♥ Fados e temas de Amália Rodrigues ♥
Clique na foto ou no link que segue

sábado, março 23, 2013

Fado ao reco-reco


Agradeço ao meu amigo, o Poeta Mário Raínho, estes Versos Triplicados "à maneira", é exactamente isto que eu penso, e não me canso de o dizer. Só estou para ver é quem é que vai meter ferrinhos, castanholas, cavaquinhos ... na canção mais genuinamente portuguesa que é o Fado !

Todavia, enquanto existirem os tais puristas, e bem hajam, expressarão o seu amor pela alma portuguesa e dirão em voz alta a sua revolta.

Meu querido Mário Raínho, bem haja♥

Susana Lopes

2 comentários:

  1. Maravilhosa moldura. Obrigado Susana. Beijinhos.

    Mário Rainho

    ResponderExcluir